As informações contidas nas embalagens de anestésicos locais estão de acordo com a legislação brasileira?

Adriana Cemin Grolli, Mário Marques Fernandes, Rhonan Ferreira Silva, Rachel Ribeiro Tinoco

Resumo


Objetivos: O presente estudo buscou: a) verificar se as informações contidas nas embalagens de diferentes marcas de anestésicos locais estão de acordo com a legislação vigente, e b) confrontar possíveis acidentes na clínica odontológica com informações inadequadas ou ausentes nas embalagens e respectivas bulas dos fármacos analisados. Material e Método: Foram analisadas embalagens de quatro marcas de anestésicos locais de uso odontológico (SS White®, Cristália®, DFL® e Dentsply®), tanto as primárias (individuais) quanto as secundárias (caixa comercial do medicamento), bem como suas respectivas bulas. A pesquisa foi realizada utilizando a legislação vigente. As amostras foram coletadas em estabelecimentos dentários na cidade de Caxias do Sul/RS. Resultados: nos rótulos das embalagens primárias, somente o fabricante DFL® seguiu rigorosamente as normas. Nos rótulos de embalagens secundárias, as amostras, de um modo geral, apresentaram resultados satisfatórios no que se refere ao cumprimento da legislação. Com relação à análise das informações das bulas dos anestésicos, verificou-se vários itens presentes, porém insatisfatórios. Conclusão: constatou-se que determinadas normas estabelecidas pela legislação foram descumpridas. Possíveis acidentes e complicações pela falta ou inadequada informação nos rótulos das embalagens poderiam ser evitados se os fabricantes seguissem as normas estabelecidas.


Texto completo:

PDF
gosip rumahan berita terkini windows gadget toko game