Reabilitação com instalação de implante imediato em região de molar com abordagem alternativa de osteotomia: relato de caso

Claudio Rodrigues Leles, Sara Cristina Araújo, Lorraine Caroline Ferreira de Assis, Priscilla Cardoso Lazari, João Antônio Chaves

Resumo


Objetivo: apresentar um caso clínico de instalação de implante imediato em região de bifurcação após exodontia de molar com uma técnica de osteotomia alternativa com o preparo do sitio implantar previamente à remoção das raízes. Materiais e métodos: em dezembro de 2017, JNPS, 39 anos de idade, sexo masculino, compareceu à Faculdade de Odontologia com queixa do dente 46 fraturado sem sintomatologia dolorosa. Nos exames clínicos e radiográficos o dente 46 apresentava tratamento endodôntico, sem remanescente coronário e amplo septo inter-radicular que favorecia a instalação de implante imediato. A cirurgia ocorreu em fevereiro de 2018 com o preparo do leito do implante na região do centro do dente previamente à exodontia. Em seguida foi realizada a extração das raízes de forma minimamente traumática, visando preservar a estrutura circundante. Um implante Cone Morse 3,75x9mm (Titamax CM Cortical – Neodent, Curitiba, Brasil). O torque final de inserção foi de 20 N/cm e foi instalado o cicatrizador para procedimento cirúrgico de 1 estágio. Após 4 meses foi instalado o pilar protético (Pilar CM – Neodent, Curitiba, Brasil) com altura de 2,5 mm e nas sessões seguintes foram realizados os procedimentos para confecção de coroa metalocerâmica. Resultados: no acompanhamento de 12 meses após instalação do implante, verificou-se aspectos clínicos e radiográficos de normalidade, além de satisfação do paciente com o tratamento. Conclusão: a técnica utilizada facilita o preparo do leito receptor e a instalação de implante em condições de estabilidade favorável, podendo ser empregada em situações clínicas semelhantes.


Texto completo:

PDF