Abordagem interdisciplinar no tratamento de reabsorção cervical externa: relato de caso.

William Barnabé, João Batista de Souza, Lawrence Gonzaga Lopes, Luís Fernando Naudi Ruiz, Pedro Henrique Freitas, Tatiany de Mendonça Neto

Resumo


Reabsorção cervical externa é uma forma de reabsorção dentária externa relativamente rara e de natureza invasiva, geralmente sua causa está associada a trauma dentário, tratamento ortodôntico ou clareamento interno. Por não apresentar sintomatologia dolorosa, muitas vezes é diagnosticada por exames radiográficos de rotina, dificultando seu diagnóstico no estágio inicial. B.L.S. de 26 anos, sexo feminino, queixando-se de insatisfação com a cor dos dentes 12 e 22, relatou ter realizado tratamento endodôntico nos respectivos dentes após sofrer traumatismo dentário e alegou já ter sido submetida a tratamento de clareamento interno nos dentes escurecidos. Exames radiográficos periapicais foram solicitados para verificar a condição atual e revelaram lesão cervical nos dentes 11, 12 e 22. Foi, então, realizado diagnóstico diferencial de cárie subgengival para confirmar o diagnóstico de reabsorção cervical externa. O tratamento foi realizado utilizando aparelho ortodôntico para realização da extrusão dental, atenção meticulosa para saúde gengival por intermédio de cirurgia periodontal e reabilitação com implante e prótese fixa unitária. Uma abordagem interdisciplinar para o tratamento e reabilitação de pacientes com reabsorção cervical externa, favorece o profissional na manutenção da função e estética, e evita a necessidade de extração.


Texto completo:

PDF