Ir para o menu de navegação principal Ir para o conteúdo principal Ir pro rodapé

Pesquisa Científica

v. 19 n. 50 (2010): ROBRAC

Influência da fonte de luz fotoativadora na fenda de contração de polimerização de resinas compostas universais

DOI
https://doi.org/10.36065/robrac.v19i50.483
Enviado
setembro 7, 2010
Publicado
outubro 25, 2010

Resumo

Este trabalho avaliou a influência da fonte de luz fotoativadora na fenda de contração de polimerização de três compósitos universais, Opallis (FGM), Filtek Z250 (3M Espe) e Filtek Z350 (3M Espe). Foram confeccionadas quatro amostras para cada grupo experimental, sendo: G1A - Opallis + luz halógena; G1B - Opallis + Led; G1C - Opallis + arco de plasma; G2A - Filtek Z250 + luz halógena; G2B - Filtek Z250 + Led; G3B - Filtek Z250 + arco de plasma; G3A - Filtek Z350 + luz halógena; G3B - Filtek Z350 + Led; G3C - Filtek Z350 + arco de plasma. Cada compósito foi inserido em uma matriz metálica circular e fotoativado pelo tempo recomendado pelo respectivo fabricante. Logo após, os corpos-de-prova foram lixados com lixas de granulação decrescente, sendo, após vinte e quatro horas, levados ao microscópio eletrônico de varredura para mensuração das fendas. As leituras foram feitas em quatro pontos, correspondentes a três, seis, nove e doze horas da face de um relógio, perfazendo um total de dezesseis leituras para cada grupo. Os resultados foram submetidos à análise de variância e ao teste de Tukey (α=5%). A maior média foi obtida com o grupo G3A (26,07µm), sendo a menor no grupo G1A (15,43µm). A comparação dos grupos foi significativa para ambos os fatores (resina composta / luz fotoativadora), bem como na interação entre estes. Concluiu-se que diferentes composições de compósitos exibem distintos comportamentos de contração de polimerização quando fotoativadas por diferentes fontes luminosas.