Ir para o menu de navegação principal Ir para o conteúdo principal Ir pro rodapé

Pesquisa Científica

v. 21 n. 56 (2012): ROBRAC

Avaliação in vitro da eficácia do localizador apical Joypex 5

DOI
https://doi.org/10.36065/robrac.v21i56.633
Enviado
fevereiro 25, 2012
Publicado
março 27, 2012

Resumo

Objetivo: A determinação correta do comprimento de trabalho é uma etapa importante no tratamento dos canais radiculares, assegurando que o preparo químico-mecânico bem como os materiais obturadores fiquem restritos ao espaço do canal radicular evitando dessa forma danos aos tecidos perirradiculares. O presente estudo teve por objetivo avaliar, in vitro, a eficácia do LAE de baixo custo Joypex 5 na determinação do comprimento de trabalho, comparando-se as medições eletrônicas com medidas obtidas por observação direta. 

Material e Método: Foram selecionados 30 dentes humanos unirradiculares. Os dentes foram seccionados na junção cemento-esmalte. O comprimento real do dente foi determinado utilizando uma lima K #10 que foi introduzida no interior do conduto radicular até que sua ponta fosse visível no forame apical. Para a obtenção das medidas pelo método eletrônico as amostras foram fixadas em recipientes de vidro com uma tampa plástica contendo solução salina a 0,9%. As medidas foram realizadas empregando-se o LAE Joypex 5 (Denjoy®, China). Para as mensurações, uma lima tipo K #15  foi acoplada à alça do aparelho testado e durante a sua inserção no canal radicular, a obtenção das medidas foi monitorada no visor do aparelho até que o instrumento indicasse a marca “0”.

Resultados: Os dados estatísticos mostraram não haver diferença estatisticamente significante (p<0.05) entre as medidas realizadas com o LAE Joypex 5 e o CRD. 

Conclusão: Com base nos resultados favoráveis obtidos nesse estudo, pode-se afirmar que o Localizador Apical Eletrônico JoyPex 5 demonstrou ser preciso na determinação do comprimento de trabalho aceitável no tratamento endodôntico.