Ir para o menu de navegação principal Ir para o conteúdo principal Ir pro rodapé

Pesquisa Científica

v. 23 n. 64 (2014): ROBRAC

Serviço de radiologia odontológica em Municípios da Região Centro-Oeste do Estado de Minas Gerais, Brasil

DOI
https://doi.org/10.36065/robrac.v23i64.676
Enviado
agosto 24, 2012
Publicado
abril 23, 2014

Resumo

O objetivo deste estudo foi identificar a existência de normas de utilização do serviço de radiologia odontológica em municípios da região Centro-Oeste de Minas Gerais, Brasil. Trata-se de estudo quantitativo, transversal e descritivo. O estudo foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa. Para coleta de dados, utilizaram-se dois questionários, conforme existência ou não de serviço de radiologia odontológica pública, aplicados aos coordenadores municipais de Saúde Bucal. Análise estatística descritiva foi desenvolvida no SPSS. Participaram 50 municípios de 55 vinculados a uma mesma Gerencia Regional de Saúde- GRS, sendo que 27 ofertavam o serviço radiológico em odontologia no setor público e 23 não ofertavam esse serviço. Dos municípios que têm o serviço, a maioria conta com dois aparelhos próprios, não usa todas as medidas de radioproteção, usa radiografia periapical e interproximal sem restrição para indicação e quantidade. Dos municípios que não possuem o serviço radiológico público, para grande parte, apenas um aparelho próprio seria suficiente para instalação do serviço. A maioria dos coordenadores afirmou que a radiologia ajuda muito na qualidade do serviço odontológico, no entanto, somente uma minoria dos municípios pretendia instalar o serviço. Concluiu-se que a oferta do serviço de radiologia odontológica público ainda não é uma realidade para todos os municípios avaliados, e a maioria dos que oferta o serviço radiológico não segue as legislações brasileiras no que diz respeito à adoção de todas as medidas de radioproteção.