Ir para o menu de navegação principal Ir para o conteúdo principal Ir pro rodapé

Pesquisa Científica

v. 21 n. 58 (2012): ROBRAC

Efeito da Aplicação de Adesivos de 2 Passos e Autocondicionantes Fotoativados por Luz Halógena ou LED na Microinfiltração Marginal: Estudo In Vitro

DOI
https://doi.org/10.36065/robrac.v21i58.692
Enviado
outubro 22, 2012
Publicado
outubro 31, 2012

Resumo

O objetivo desse estudo foi analisar a efetividade de sistemas adesivos convencionais e autocondicionantes, e de diferentes métodos de fotoativação para redução da microinfiltração marginal. Foram utilizados 48 dentes incisivos bovinos nesse estudo. Os dentes foram divididos em quatro grupos de 12 amostras de acordo com o tipo de adesivo ou método de fotoativação utilizado: Grupo 1- Sistema adesivo de passos fotoativadas por luz halógena com intensidadede de 700 mW/cm2 Grupo 2 - Sistema adesivo de dois passos fotoativados pelo LED com intensidade de 470 mW/cm2 ; Grupo 3 – sistema adesivo autocondicionante fotoativados por luz halógena; Grupo 4 - Sistema adesivo autocondicionante fotoativados por LED. Uma resina composta nanoparticulada foi utilizada para restaurar todas as cavidades. Em seguida, os grupos foram submetidos ao tratamento de ciclagem térmica e foram colocados por 24 horas em solução de azul de metileno. A microinfiltração foi avaliada de acordo com o grau de penetração do corante na interface dente-restauração. Para análise estatística, foi utilizado o teste não paramétrico de Kruskal Wallis complementado pelo teste de Mann‑Whitney, no nível de 5% de significância. O grupo 1 apresentou estatisticamente menores índices de microinfiltração marginal que o grupo 2 na parece oclusal (p<0.05) e os grupos 1 e 4 apresentaram menores graus de microinfiltração marginal que o grupo 2 na parede cervical(p<0.05). A aplicação do sistema adesivo de dois passos associado a polimerização com luz halógena promoveram os menores graus de microinfiltração marginal.