Ir para o menu de navegação principal Ir para o conteúdo principal Ir pro rodapé

Pesquisa Científica

v. 22 n. 61 (2013): ROBRAC

Avaliação da força adesiva de restaurações em dentes clareados através do teste de microtração após o processo de desoxigenação com metabisulfito de sódio

DOI
https://doi.org/10.36065/robrac.v22i61.710
Enviado
dezembro 18, 2012
Publicado
setembro 12, 2013

Resumo

 Objetivo: O objetivo deste estudo é demonstrar a capacidade do metabissulfito de sódio em desoxigenar e devolver imediatamente a resistência de união adequada entre sistema adesivo e estrutura dental. Metodologia: 18 molares hígidos foram divididos em seis grupos de três dentes cada, o grupo controle, grupo 1, não recebeu tratamento clareador nem agente neutralizador, o grupo 5 foi clareado e recebeu tratamento com hidróxido de cálcio durante 15 dias, o grupo 6 recebeu tratamento clareador, porem não recebeu tratamento com nenhum agente neutralizador, já os grupos 2, 3,4 receberam tratamento clareador e usou-se como agente neutralizador o metabisulfito de sódio, diferindo o tempo de uso, grupo 2, 10 minutos, grupo 3, uma hora, grupo 4 setenta e duas horas. Todos os corpos de prova foram restaurados com sistema adesivo Scotch Bond Multiuso e resina composta Z250 e após cortados em palitos para serem submetidos a teste de microtração. Resultados: O teste Kruskal-Wallis indicou que houve diferença estatisticamente significante entre os grupos 1 e 3, assim como este grupo se mostrou diferente do grupo 4 e do grupo 5.  Conclusão: o metabisulfito de sódio, utilizado por uma hora, determina uma resistência adesiva significativamente maior que as demais variáveis testadas.