Ir para o menu de navegação principal Ir para o conteúdo principal Ir pro rodapé

Pesquisa Científica

v. 24 n. 69 (2015): ROBRAC

Remoção de cárie e proservação de restaurações com ionômero de vidro em escolares da rede pública de ensino de Goiânia-Goiás

  • Mauro de Melo+
  • Raulino Naves Borges
  • Denise Ferreira Vieira
  • Áureo Honorato e Melo
  • Bárbara Morais Arantes
DOI
https://doi.org/10.36065/robrac.v24i69.766
Enviado
julho 25, 2013
Publicado
maio 12, 2015

Resumo

A gravidade das consequências advindas da doença cárie justifica a importância de se desenvolver novas práticas educacionais, preventivas e assistenciais de saúde bucal, em especial para grupos populacionais de nível socioeconômico mais baixo. A partir de um estudo descritivo, de intervenção clínica, foram realizadas ações restauradoras e educativas com crianças de escola municipal da cidade de Goiânia-GO, com intuito de devolver a saúde bucal e restabelecer o seu bem estar. As atividades restauradoras consistiram em utilização de Cimento de Ionômero de Vidro (CIV), em dentes decíduos e permanentes. As atividades educativas consistiram em atividades lúdicas e escovação supervisionada. Realizaram-se palestras com o objetivo de conscientizar pais e/ou responsáveis e professores sobre a importância em dar continuidade ao trabalho realizado prezando uma boa saúde bucal e geral. Num total de 112 crianças examinadas, 71 (64%) apresentaram uma ou mais lesões cariosas, totalizando 201, cujos dentes foram restaurados. Após 4 meses da realização do tratamento, as restaurações foram reavaliadas e apenas 6 casos foram retratados. Conclui-se que o CIV é um material restaurador eficiente, de baixo custo e alto rendimento, que quando aliado a um planejamento educativo, pode devolver a saúde bucal do paciente.