Ir para o menu de navegação principal Ir para o conteúdo principal Ir pro rodapé

Revisão da Literatura

v. 23 n. 64 (2014): ROBRAC

O uso dos localizadores foraminais na endodontia: revisão de literatura

  • Bruno Martini Guimarães
  • Marina Angélica Marciano
  • Pablo Andrés Amoroso-Silva
  • Murilo Priori Alcalde
  • Clovis Monteiro Bramante
  • Marco Antônio Hungaro Duarte
DOI
https://doi.org/10.36065/robrac.v23i64.836
Enviado
março 11, 2014
Publicado
março 11, 2014

Resumo

A correta determinação do comprimento real de trabalho (CRT) é um fator importante que corrobora no sucesso do tratamento endodôntico. Diversos estudos mostram que o uso de localizadores foraminais eletrônicos é recomendado devido à sua eficácia e benefícios quando utilizados na terapia endodôntica. O princípio de ação desses aparelhos está relacionado às propriedades que os tecidos orais apresentam quando submetidos a diversos componentes elétricos como resistência, freqüência e impedância. Os localizadores foraminais podem ser utilizados em diversas situações na prática clínica, como nos tratamentos de dentes vitais e não-vitais até nos casos de retratamentos. O objetivo deste estudo é analisar por meio de revisão da literatura a eficácia dos localizadores foraminais eletrônicos na determinação do comprimento real de trabalho durante a realização do tratamento endodôntico.