Ir para o menu de navegação principal Ir para o conteúdo principal Ir pro rodapé

Revisão da Literatura

v. 19 n. 51 (2010): ROBRAC

Eletromiografia aplicada às Desordens Temporomandibulares

Enviado
agosto 6, 2010
Publicado
outubro 14, 2010

Resumo

Objetivo: Revisar os conceitos e utilização da eletromiografia, ressaltando sua aplicabilidade no estudo das disfunções temporomandibulares (DTM). Material e método: A revisão da literatura foi baseada em pesquisa na base de dados Scielo e PubMed relativa ao período de 1949 a 2010, utilizando as palavras-chave "electromyography" e "electromyography and temporomandibular dysfunction" e "eletromiografia e temporomandibular disorders" e selecionando, entre os artigos encontrados, aqueles que correlacionavam à aplicação da eletromiografia na Odontologia, especialmente nas disfunções temporomandibulares. Também foram selecionadas capítulos de livros contendo conceitos básicos de eletromiografia, fisiologia humana e disfunção temporomandibular, além de periódicos referentes à utilização de eletromiografia em diferentes áreas da saúde. Conclusão: Diante dos princípios abordados neste artigo e após a revisão de importantes pontos relacionados ao uso da eletromiografia no estudo das DTMs, é possível concluir que a eletromiografia, apesar de suas grandes limitações, desempenha um importante papel no desenvolvimento de pesquisas na área odontológica, principalmente no que se refere às DTMs, pois auxilia na padronização necessária para o controle das condições estudadas. Em uma visão clínica, a EMG pode ser utilizada como um método auxiliar na identificação de alterações musculares, contribuindo na indicação e avaliação das terapêuticas prescritas nas DTMs.